quinta-feira, 18 de abril de 2013


GÊNERO TEXTUAL FÁBULA
Flávia Vitória - 6° ANO A 

 
A gata e seus três filhotes


     Em um belo dia ensolarado uma gata teve três belos filhotes, duas gatas maravilhosas e um gato, belíssimos.
    Uma semana depois, os gatinhos já estavam bastante espertos então a sua mãe lhes disse:
    -  Filhinhos, vamos sair para o riacho.
   Os gatinhos responderam:
    - Oba, nós vamos sair para o riacho, que legal!!!
   Quando chegaram lá, começaram a brincar de repente apareceu um cachorro e disse:
   - Saiam do MEU riacho, quem disse que vocês podem ficar aqui ?
    A mamãe respondeu:
   - Não vamos sair. Quem disse que é só seu ?
   O cachorro continuou:
   - Eu estou falando que ele é só meu, e outra, sou mil vezes mais forte do que você.
    Então a gata perguntou:
    - Você topa um desafio ?
   O cachorro responde
    - É claro que eu topo!
    Então a gata pulou em cima do cachorro, arranhando ele todo. O cachorro colocou o rabo entre as patas e saiu correndo; a gata falou:
    - Quem é que mais forte agora?
     E os três gatinhos que estavam escondido pularam em cima da sua mãe com muita felicidade e orgulho dela.
Depois, desse dia em diante, foram só brincadeiras e diversão entre a família de gatinhos.

Moral da história: Não julgue ninguém pelo o que ela apresenta ou pelo o seu tamanho.
*******************************
Emanuelly Silva dos Santos - 6º ANO A
O burrinho e o cavalo
   Em um belo dia, o burrinho estava pastando calmamente, de repente apareceu um cavalo e disse-lhe:
   - Você é fraco, com certeza perderia pra mim.
Então o burrinho falou:
   - Aceita uma competição?
   O cavalo respondeu:
   - Aceito!
   - O combinado era pra ver quem era o mais forte, então era pra levar uma carroça cheia de pedras até o fim de uma longa estrada. Foi dada largada, o cavalo passou do burrinho, mas logo cansou, então o burrinho disparadamente passou do cavalo e ganhou a corrida.

Moral da história: Nunca julgue uma pessoa antes de saber do que ela é capaz.
*********************************
Juliana de Moura - 6º ANO B
O elefante e a girafa
    Era uma vez dia de sol na igreja Nossa Senhora do Carmo, em que um elefante estava se casando com uma girafa.
    Mas como ninguém respeitava suas diferenças, a girafa preferiu se separar.
    O elefante encolerizado falo
    - Por que você quer se separar de mim ?!!!
   - Porque ninguém respeita nosso relacionamento – respondeu calmamente a girafa.
   - Não precisa ligar para ele.- disse o elefante nervoso, mais a girafa não o ouviu e foi embora.
    Então o elefante começou a ameaçá-la, ligando atormentando e batendo nela com sua tromba.
    Mas a girafa se enfureceu e denunciou o elefante para a polícia e o elefante acabou sendo preso.

Moral da história: Nunca faça mal a ninguém, pois o mal pode voltar para você pior que você possa imaginar.
****************************
Emilly Karla 6º ANO B
 
A cobra e o rato
    Certo dia, uma cobra encontrou um rato e se praparou para o bote:
    - Eu vou dar um bote nesse rato - isse a cobra.
    - Epa! Está pensando que vai me matar ? Nem a pau. - Falou o rato confiante e corajoso.
   - Eu sou uma cobra, e se você não sabe, cobras se alimentam de várias coisas, inclusive de ratos. - Disse a cobra já impaciente.
   - É melhor eu ir pra casa, antes que eu fique impaciente.- Falou o rato. Mas ele não sabia que algo terrível estava pra acontecer, e quando o rato menos esperava, a cobra o devorou.

Moral da história: É sempre bom ter cuidado com estranhos.

******************************************
Poliana Cavalcante da Silva – 6º ANO A
 
 O cachorro e o gato
    Um belo dia, um gato estava determinado na frente da sua casa. De repente, apareceu um cachorro e lhe disse :
    - Gato, gato, como você é fraquinho.
    Então o gato respondeu:
   - Aceita uma prova? Prove qual de nós dois é o mais esperto.
   - Aceito.
    - A prova era pra ver quem caçava qualquer bicho e quem chegasse mais rápido no lugar marcado.
    O cachorro caçou um bicho interessante, mas o gato tomou a dianteira e ganhou a prova.

Moral da história: Nunca julge uma pessoa do que ela é capaz.

*******************************
Lilian Beatriz da Silva – 6º ANO A

 
 
O gato e o rato
    Estava lá e m sua casa um gato sem fazer nada, veio um gato lhe atormentar, então lhe disse:
    - Me deixe em paz; não fiz nada com você.
    - Sim, você fez uma coisa comigo – disse o rato
.   - O que foi que eu fiz com você? - disse o gaato. 
    - Você já matou meu pai, minha mãe e o resto de toda a família. 
    - O gato falou: 
    -  Saia daqui, senão eu vou lhe comer. 
    - O rato não acreditou e não saiu. 
    - Saia rato, não estou de brincadeira.
    - O rato não acreditou e não saiu.
    Então o gato deu um pulo e matou o rato.
Moral da história: Não mexa com quem está quieto, porque le pode fazer mal para você.

*********************************
Benedito Valentim – 6º ANO A
 
Biscoito da Sorte
    Estavam dois cachorrinhos no fundo de um restaurante chinês, até que uma hora um funcionário jogou uma caixa de biscoitos da sorte e um dos cachorros disse: 
   - O que será aquilo? 
   - Não sei, acho que são biscoitinhos. 
   Então um deles abriu um que havia uma frase: “Corra atrás dos seus sonhos”.
   O outro abriu um biscoito diferente: “Vai rolar a verdade,quando escorregar nela”.
   Então ele andou e escorregou em um biscoitinho e leu:” Não acredite em tudo que lê”.

******************************
Adriano Alves – 6º ANO B
Os cavalos e o ganso
    Tinha um grupo de cavalos correndo pelo campo.
    O ganso saiu correndo atrás deles.
    Os cavalos assustados disseram:
     - O que a gente fez com você para você correr atrás de nós? - perguntou o cavalo.
    - O ganso respondeu:
    - Vocês ficam correndo o campo o dia inteiro e não deixam eu dormir – falou o ganso.
    De repente, chegam três cachorros amigos dos cavalos e eles correram atrás do ganso.
    Os ganso correu e nunca mais voltou.
Moral da história: Nunca tente fazer mal a alguém que não lhe fez nada.

*******************************
Wanessa Nascimento de Souza – 6º ANO C
 
 O passarinho e a Raposa
    Um passarinho estava com fome e tinha que trabalhar para comer.
    Ele estava num lugar cheio de lixo.
    Mas havia um lobo lá por perto. Ele era muito malvado e estava com fome.
    E o passarinho viu o lobo.
    E o passarinho pensando que o lobo não era malvado, foi até lá comer um pouco, e comeu.
    O lobo viu e reclamou:
    - Pare de comer. 
    - Não, me desculpe, não queria te agitar – disse o passarinho. 
    - Mas me ajitou. 
   - Não, me desculpe. Não, me desculpe. 
   - Não desculpo você, porque comeu meu lixo. Nunca te perdoarei. Ninguém nunca comeu lixo. Quem come merece morrer.
    E o lobo comeu o passarinho.
Moral da história: Quando você vir um estranho, não fale com ele nem olhe. Nunca devemos confiar em estranhos.
**********************************
Laissa Rebeka – 6 ANO B
 
Os animais da fazenda
    Um certo dia estava tendo uma festa na fazenda, por causa do nascimento do cavalo.
    O cavalo tinha um amigo muito legal , o nome dele é porco.
    O cavalo falou pra mãe dele:
     - Mãe, deixa eu ir tomar banho no riacho.
     E a mãe dele respondeu:
    - Não, a maré está cheia hoje.
     Mas mesmo assim ele foi.
     Ele foi tomar banho, mas horas se passaram e sua mãe preocupada pediu para o porco dar uma olhada, e o porco viu ele se afogando. E o salvou.
Moral da história: Nunca desobedeça pois nem sempre você tem sorte de alguém lhe salvar.

*******************************
Andriele da Almeida Cavalcante 6º ANO 
 
 A galinha e o tigre
    Um dia o tigre dormia de baixo de uma árvore, veio uma galinha e começou a cantar bem próximo dele.   O malvado despertou e pegou a galinha.
    Apavorada, a pequena galinha chamou:
    - Por favor , não me mate. Suplico que me deixe ir embora. Se o senhor me deixar ir poderei ajudá-lo. 
    O tigre desistiu de comer o animalzinho e o deixou ir embora.
    Depois de muito tempo, o tigre ficou preso na gaiola de uns caçadores. Nisso apareceu um bando de galinhas, elas aproveitavam a saída dos caçadores e abriram a gaiola e o soltaram.
    E ntão a galinha disse ao trigre:
    Eu não disse que ia ajudar você,  Senhor Tigre.
   Moral da história: Uma boa ação ganha outra.

*********************************

6 comentários:

  1. esses textos sao bem legais

    ResponderExcluir
  2. As crianças estão esbanjando criatividade.Parabéns a todas!

    ResponderExcluir
  3. laissa juliana lilan adore voces estao de parabens estava lindo beijo.

    ResponderExcluir
  4. Achei lindo os textos de vocês !!!

    ResponderExcluir
  5. Saudade da Gilséia e das crianças. Beijos, Tayna Roberta

    ResponderExcluir
  6. Parabéns ao estudantes e à professora pelo desempenho das produções textuais. Continuem assim!

    ResponderExcluir